jair-bolsonaro-tiro

O blaseísmo lisboeta – essa pandemia de patetice – alastra também ao Porto. Noto-o muito neste fim-de-semana FB: na quantidade de imbecis a gozarem com o repúdio a Bolsonaro. Isto em gente auto-representada como de centro-direita democrática, e que me enche as racções-FB com urros contra os atentados ao estado de direito, e assim à democracia, desta quadrilha-PS (e agora do seu apaniguado, o famigerado Celo de Sousa).

Estes tão democratas, burguesotes de FB e alguns até opinadores avençados, surgem naquele arrastado tãããão lisboeta, tão adamado, “imenso” enfastiados com as manifestações públicas (e com tanta plebe, ainda para mais contendo adeptos de Lula, o Costa, perdão, o Sócrates lá do sítio). E ridicularizam os patrícios que se solidarizam com isso, no kitsch das fotos de perfis, na irrelevância dos postais de sofá. Assim como se fosse “tão baixa classe” – e isto vindo de gente tão socialmente desqualificada que até vive de escrever em jornais ou perorar nas sequelas daquele miserando “Noites da Má Língua”, gente apenas “anunciada na TV” como rezava a velha publicidade dos produtos mais rascas. E da tralha que os “segue” …

Não devemos falar do “estrangeiro”? E quantos destes patetas botam sobre Angola, o simounão Trump, a Catalunha, Merkel e a mão-de-obra barata, perdão, os direitos dos refugiados, o colapso da social-democracia sueca, os brexitófilos/fóbos?

O Lula meteu a mão na massa? Pois. Isso catapulta o Bolsonaro? Provavelmente. E depois? O PSD de Cavaco não meteu, que aquilo foi um fartar vilanagem? E não o louvam? A DC italiana não o fez, berlusconizando o país até agora? Atiram pedras à (espécie de) DC nacional? Por aí fora …

É irrelevante falar do Brasil? Com toda a certeza. Tal como botar sobre qualquer coisa abrangente no FB. Os eucaliptos, as baleias, o Augusto Santos Silva a aldrabar-nos, os kamovs, a procuradora-geral. A gente no sofá ao teclado influencia algo?

“Fica mal” dizer mal do Bolsonaro? O homem é um fascista (“ai! que horror”, “que fora de moda”, dirão os pós-bloguistas tudólogos deste meio, e os patetas que os “seguem”, neste transgenderismo nasalado; outros, que leram a Readers Digest, e se julgam cultos, virão dizer que não, que não corresponde ao tipo ideal, que até já ouviram falar nuns romenos ou italianos ou seja lá o que for). E, como tal, está para além do aceitável. E do brincável. A não ser por gente tal e qual assim, “gente dele”. Essa gentalha que acha “óóptímo”, “fino”, gozar com quem se opõe. A quem é isso que agora lhe ocorre diante desta situação … Ninguém, ainda para mais português, é obrigado a dizer mal do escroque. Mas se vêm gozar com isso, se é a única coisa que lhes ocorre, vão bardarmerda com os calores com a PGR ou as trapalhadas-PS. Porque é óbvio onde lhes estão os afectos. Pois o arrivismo, tão gritado e assim gritante, não explica tudo.

Bolsonaro é um fascista, perigoso. O dono da IURD vem-lhe dar apoio – antes apoiou Roussef, naquela trapalhada imunda que é a política brasileira. Tornando-o ainda mais perigoso. E por isso, porque não preciso de parecer béém, porque tenho berço e família suficientes para não andar para aqui a armar-me em finório, deixo – em particular para os amigos que vivem no Brasil, em formato de abraço – o meu #essefilhodaputanão. E, só para mim, faço estender este dístico para estes patetas blasés, o lixo do meu país, acima e abaixo, à esquerda e à direita: cagões de merda.

Anúncios

Diga de sua justiça, sff

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s